Uma explicação simples sobre o dia de Finados

Quando estive por 3 anos morando na Itália, descobri uma explicação simples mais significativa, para o dia de finados, para o dia em que temos que enfrentar a morte de algum ente querido.

Eu resumo esta explicação assim:
Quem se alimenta de fé tem outra perspectiva da morte.
É como inverno nos países frios, que aparentemente destrói as folhagens das árvores. Parecem mortas.
Apenas parecem.
Elas renascem exuberantes na primavera.
A eternidade é a primavera da alma, é a primavera do Homem ressuscitado.

 

 

Alessander Capalbo
Licenciado em Filosofia
Graduado em Teologia
Graduando em Psicologia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *