Ficar só, remédio para aprender a se amar

Ficar sozinho não me tornou incapaz de amar outra pessoa. Ficar sozinho fez o meu amor crescer. A única diferença é que aprendi que antes de amar de verdade o outro, primeiro preciso saber amar os meus defeitos, limitações e as minhas fraquezas. Aprendendo isto, posso amar o outro como ele é, e não como eu gostaria de que ele fosse.

 

#AlessanderCapalbo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *